Erro
  • Erro ao carregar dados do sinal web.

AGAL apoia a manifestaçom em defesa do galego convocada para o 17 de Maio

Atenção, abrirá numa nova janela. PDFVersão para impressãoEnviar por E-mail
Engadir a del.icio.us Compartilhar
no Facebook Compartilhar
no DoMelhor

AGAL - A Associaçom Galega da Língua (AGAL) apoia a manifestaçom em defesa do galego convocada para o 17 de Maio. A organizaçom reintegracionista chama à participaçom de todas as pessoas e colectivos, «seja qual for a sua ideologia», para «exibir uniom face ao desmantelamento do quadro legal de protecçom do nosso idioma».

A Associaçom Galega da Língua participará na manifestaçom com faixa própria, e convida a sua base social e simpatizantes a acudir ao acto reivindicativo.

Em opiniom do Conselho da AGAL, a proposta de Decreto para regular o uso das línguas no ensino, conhecido como Decreto do Plurilingüismo, nom cumpre com a obriga legal de promoçom da língua galega nem garante o seu conhecimento. Em definitiva, «torna inútil o nosso idioma, como se nom bastasse mantê-lo desligado das outras variantes internacionais».

Finalmente, a AGAL insta o presidente da Junta da Galiza, Alberto Núñez Feijóo, a ser coerente com as suas declaraçons públicas: «Quinhentos milhons de pessoas falam inglês; 400, castelhano; e 200 milhons pertencem ao mundo lusófono. Em definitiva, se temos esses três idiomas podemos comunicar-nos praticamente em todo o mundo». Para a organizaçom reintegracionista, o Decreto que promove o Governo de Feijóo caminha justo na direcçom contrária, e julga «umha irresponsabilidade» nom aproveitar este potencial.

Faixa da AGAL

A faixa da Associaçom Galega da Língua arrancará da Alameda Compostelana, em concreto da zona próxima da conhecida estátua das Marias, e levará por lema «A nossa língua é internacional». Ainda, repartirám-se brochuras intituladas «Eles/as dividem, a nossa língua multiplica».

Actualidade da Língua no PGL

  • Mordida - 0,00 €
    thumb

    A comida é o espaço em que se encontram o mercado e as tripas. Eugénio Outeiro reflecte sobre esta realidade no que é o seu segundo...

  • Abadessa, oí dizer - 10,00 €
    thumb

    Relatos eróticos de escritoras da Galiza.

    Autoras: Carmen Blanco, María Lado, Verónica Martínez, Raquel Miragaia, Teresa Moure, Emma Pedreira, Isabel Rei Samartim, Susana Sánchez Arins,...

  • O futuro é para sempre - 16,00 €
    thumb

    O futuro é para sempre. Experiência, expectativa e práticas possíveis tem por objectivo principal partir em busca de práticas possíveis, a partir das...